facebook-domain-verification=roo53y4pqzaug20o6ieiu925kgvs4h
 

É possível fazer algo para prevenir os vermes?

Assunto de hoje são as verminoses. Fique tranquilo, é fácil mantê-las sob controle.



VOLTAR PARA A HOME


Uma das formas é simples e básica vermifugação periódica. Existem ótimos vermífugos à disposição com ampla cobertura de vermes.


Outra forma que pode prevenir as infestações é evitar que os pets sadios frequentem o mesmo ambiente frequentado por animais que possam estar parasitados, como, por exemplo, praças, parques e praias. Os pets são muito curiosos e ficam enlouquecidos quando saem para passear, não é mesmo? Então, provavelmente eles entrarão em contato com alguma verminose, mais cedo ou mais tarde, isso irá acontecer.

Ok, proibir ou evitar lugares abertos e contato com outros cães pode evitar contaminação, mas, essa restrição poderá comprometer a socialização do seu cachorro. Imagine ele não ter contato com outros animais, ou você viver estressado por conta da preocupação com verminoses. Complicado né?!


Seria muito legal (para não dizer o mínimo da educação para se viver em sociedade) que as pessoas dessem destino adequado às fezes dos animais, a tal da educação sanitária, que muitos não tem. Essa prática também ajudaria a prevenir que novos animais se contaminem.


De qualquer forma nossa dica é que você relaxe, não "pire"! Fique atento aos sinais e às fezes do seu pet e siga algumas orientações :)


1) Reforce a imunidade do seu pet: quanto mais forte ele estiver, melhor será para o seu próprio corpo lidar com as verminoses.


2) Faça a limpeza do ambiente em que o seu pet vive diariamente: Os vírus e bactérias estão em todo lugar e entram na sua casa de diversas formas. Por isso, tenha hábitos de desinfetar os locais que o seu pet frequenta pelo menos uma vez ao dia. Passar um pano com desinfetante já é muito útil para eliminar a maioria dos agentes causadores de doenças.


3) Higiene dos acessórios: é fundamental realizar a limpeza dos brinquedos, acessórios, cobertores e da cama do seu Luluzinho. Comedouros e bebedouros devem ser higienizados diariamente com atenção redobrada.


3) Observe antes de qualquer coisa: quando seu animal vomitar ou tiver um episódio de diarreia, observe-o pelas próximas horas para verificar se ele continuará vomitando ou não ou tendo diarreia ou não.

Ao invés de alguma verminose, ele pode ter ingerido alguma coisa que você não percebeu e por isso do mal estar. Se for de causa alimentar, o animal vomita e/ou apresenta a diarreia, porém, a tendência do processo é ser autolimitante, ou seja, o próprio organismo trata de expulsar o agente causador.

O vômito e a diarreia são mecanismos de defesa do organismo, temos que ter cuidado, pois eles levam à desidratação dos animais, como nas crianças. A diarreia pode ser causada por vermes, viroses, intoxicações, alimentos estragados, estresse (mudanças de ambiente ou rotina na casa), mudanças alimentares bruscas ou até por problemas psicológicos.

No caso de diarreia, não é indicado utilizarmos medicamentos para parar o processo, pois ele está justamente expulsando o agente agressor. Se, após isso, o proprietário verificar que o animal continua vomitando ou tendo diarreia, neste caso, aconselhamos que o pet seja levado ao veterinário para que ele tome as providências necessárias.

4) Não exagere nas medicações: se não tiver certeza que seu pet está com verminose, observe e entre em contato conosco ou com seu veterinário. Evite dar medicação sem necessidade.

Como funciona o tratamento? O tratamento é feito através do uso de medicamentos, conhecidos como vermífugos. Esses vermífugos têm em sua composição substâncias que paralisam e matam os vermes, as suas larvas e os seus ovos.

Importante: tratar todos os animais que convivem no mesmo ambiente simultaneamente.

Uma vez infectados e curados, os pets podem voltar a ter vermes? Sim, por isso a importância de vermifugação periódica dos animais. Fonte:

https://www.thesprucepets.com/

www.petz.com.br/blog/cachorros

www.peritoanimal.com.br/

https://centroveterinariopacaembu.com.br/

https://dogtime.com/

https://pets.webmd.com/

https://br.pinterest.com/

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
002.png