facebook-domain-verification=roo53y4pqzaug20o6ieiu925kgvs4h
 

E as pulgas... Como evitá-las?

Atualizado: Jan 27

VOLTAR A HOME DO BLOG


Esses parasitas podem acabar com a tranquilidade do seu pet, a sua, da casa – um verdadeiro transtorno. Embora sejam minúsculas essas pragas incomodam muito, podem desencadear processos alérgicos e ainda transmitem doenças perigosas. Ou seja, não tem como não odiar de morte essas pragas parasitárias.

O problema é comum, porque é muito fácil o contágio e pode acontecer em qualquer fase da vida do pet. A dor de cabeça, insegurança, nojinho, desconforto são tão grandes que vale a pena sempre ficar um passo a frente em relação à proteção. Aqui, compramos em lotes, grandes quantidades, temos planilhas com datas de aplicação, e trocamos de tempos em tempos experimentando novos produtos que nossos veterinários recomendam como boas novidades que surgem no mercado veterinário. Um verdadeiro esquema de guerra contra qualquer parasita! Façam o mesmo.


Nosso mais sincero conselho é: previna-se. Não deixe seu pet desprotegido, tenha isso em mente como um compromisso mensal.

Em relação ao começo da utilização no seu filhote, fique atento a esses dois pontos importantíssimos:


1) filhotes com menos de 5 meses são proibidos de ter acesso a rua, ambientes abertos e contato com outros cachorros que passeiem pela rua. Como eles não possuem plena imunidade, eles não podem sair, nem ter contato com cães que, mesmo com as vacinas em dia, podem promover a “ponte”. Então, filhotes que seguem essa preciosa recomendação não precisam de anti-pulgas antes dos cinco meses, já que estarão apenas dentro de casa.

2) quando seu pet tiver todas as vacinas aplicadas, e os passeios começarem, ai sim, comece a aplicação com antipulgas próprios para o peso que ele estiver e com a recomendação do seu veterinário.


É muito importante fazer a aplicação do preventivo para que o pet não sofra com as picadas, mas também para a sua casa não sofrer uma infestação, que é mais comum do que se imagina. E temos relatos de famílias que contam como são pegas de surpresa. Não é nada fácil eliminar uma infestação de pulgas e carrapatos que podem dominar completamente o ambiente sem que a gente perceba, até que seja tarde. Por isso é tão importante ficar atentos e agir de forma preventiva, evitando que nossos peludos cheguem a ser contaminados e levem para dentro de casa. Quando se pensa que basta aplicar o antipulgas para evitar todo esse transtorno nota-se a real importância de dar atenção a esses minúsculos parasitas.


E, acredite até mesmo aqueles cachorrinhos que passam a maior parte do tempo dentro de suas casas, apartamentos estão em risco quando saem para tomar banho em um pet shop ou quando vão a uma consulta com um médico veterinário, ou em um simples passeio pelo pátio, mesmo que esse seja fechado. Não temos a plena segurança que nesse pátio não passou um gato, ou outro animal durante a noite e contaminou o ambiente. Esses parasitas são minúsculos, podem estar em qualquer lugar, não existe a relação com sujeira, eles podem ser contaminados em qualquer lugar, basta um animal com pulgas ou carrapatos ter passado por ali.


Além da coceira e do incômodo, estes parasitas podem causar e transmitir uma série de doenças, por isso que prevenir que seu cachorro seja infestado por pulgas e carrapatos ainda é imprescindível para que ele tenha uma vida longa e saudável. Doenças transmitidas por pulgas e carrapatos: a DAPP (Dermatite Alérgica à Picada de Pulgas), a Babesiose, a Erliquiose e a Doença de Lyme.


MUITO importante!!

Existem no mercado diversos produtos que garantem a eliminação de pulgas e carrapatos do pet e do ambiente. Alguns deles abrangem outros tipos de parasitas, como os ácaros que causam sarnas, vermes intestinais, piolhos, e alguns também possuem ação repelente contra os mosquitos que transmitem a Dirofilariose e a Leishmaniose.

Por isso que a orientação do seu veterinário é importante.

Achei pulgas no meu Pet!! E agora?

Bom, a primeira coisa é tratar seu pet. Ele em primeiro lugar.

Mas, não temos como saber onde ele foi contaminado e nem quando... Pode-se desconfiar, mas certeza 100% é difícil, então reflita também em relação ao ambiente que pode estar contaminado. Além de tratar o seu cão, faça uma belíssima e completa higienização na sua casa.

Quando o ambiente é infestado por pulgas, somente 5% delas estão no seu cão ou gato. Adivinha onde estão as outras 95%? Espalhadas e escondidas em seus sofás, colchões e frestas de tacos, em forma de ovos, pupas ou larvas, que são difíceis de ver, mas que voltam rapidamente para o seu animal. Tratamentos mensais são muito importantes para quebrar o ciclo de vida e controlar a população de pulgas e carrapatos num ambiente doméstico contaminado. Trate todos os bichos da residência: um animal pode, rapidamente, passar o parasita para outro.

Esses parasitas costumam ficar espalhados pelos quatro cantos da casa (nos cantos mesmo!). É possível que você encontre pulgas no sofá e carrapatos infiltrados em locais altos da casa ou entre pisos. Para efetuar a limpeza, use aspirador de pó nos móveis e aplique produtos específicos para desinfetar todo o seu imóvel. Dependendo do grau da infestação, uma dedetização específica feita por empresa especializada pode ser necessária. Se isso não for feito de forma eficaz, o seu amigo de quatro patas poderá voltar a sofrer infestação, mesmo sendo tratado com os melhores medicamentos.

Os principais antipulgas e carrapaticida (em nossa opinião).

Só podemos falar do que conhecemos, por isso, aqui não é uma relação completa do que existe no mercado. Assim, como tudo que envolve cuidados, o aconselhamento com seu veterinário é sempre essencial. Estamos trazendo opções para que você saiba o que usamos e gostamos, para ter uma referência. Mas, não deixe de falar com seu veterinário. Existem algumas particularidades que devem ser levadas em consideração na hora da escolha do antipulgas e carrapaticida: idade e peso do pet, ambiente que ele vive, ambientes que costuma frequentar (como por exemplo: parques, praças, praias, creches, etc.), gravidez e amamentação são algumas destas particularidades.



Simparic: também é um comprimido palatável e mastigável, impregnado com o princípio ativo Sarolaner. Quando o carrapato ou pulga picar o animal, logo entra em contato com a substância, que ataca seu sistema nervoso e em pouco tempo o ectoparasita morre.

A ação do Simparic após a ingestão do comprimido, começa em 3 horas. É de uso exclusivo para cães, acima de 8 semanas de idade, de acordo com o seu peso. Indicação é para prevenção e combate de pulgas e carrapatos. E também pode ser usado no tratamento de sarnas.




Revolution: antipulga que vem em pipetas. Indicado para prevenção e tratamento de pulgas O Revolution tem como princípio ativo a Selamectina, um fármaco para uso tópico em cães e gatos.

Age inibindo o desenvolvimento de pulgas e carrapatos (Rhipicephalus sanguineus e Dermacentor variabilis) no seu pet e também no ambiente devido a sua ação prolongada.

Um dos pontos mais interessantes é sua ampla prevenção, trata e controla a sarna de ouvido (Otodectes cynotis) e Sarna Sarcóptica (Sarcoptes scabiei). E ainda previne o famoso verme do coração, que adora ambientes tropicais. Não podemos nos esquecer também da ação contra vermes intestinais.

O produto acaba protegendo o seu peludo contra vários parasitas.

O Revolution é um produto muito conhecido, recomendado por vários Médicos Veterinários devidos suas variadas ações.

Ele age quebrando o ciclo de vida da pulga, eliminando-as não só do animal, mas também do ambiente.

Além disso, atua também no controle da DAPP que nada mais é do que uma reação alérgica a picada da pulga, que leva a uma coceira intensa nos animais.

O Revolution é indicado para cães e gatos com idade acima de 42 dias.

Ideal para o Pet que toma banho semanalmente, pois pode ser aplicado 2 horas após o banho.

Ainda tem fácil aplicação e seca rapidamente na pelagem.

Um item importante a ser lembrado, é que pode ser usado em gestantes e lactantes.

Além de realizar o controle de ectoparasitas (pulgas e carrapatos) e endoparasitas (vermes intestinais), o Revolution também ajuda no controle de infestações no ambiente.

Ele possui várias apresentações, onde de acordo com o tamanho e peso existe uma miligramagem adequada para seu “filho” de 4 patas.


Advantage Max3: produzido pela Bayer, é recomendado no controle e tratamento de carrapatos e pulgas inclusive matando as larvas do ambiente. Ele também repele e mata os mosquitos Culicídeos e Flebotomíneos que transmitem a Dirofilariose e Leishmaniose. Seu uso também é indicado para eliminar piolhos. Esta é uma boa opção para cães que vivem em sítios ou áreas que possuem muitos mosquitos.

O Advantage Max 3 tem como princípio ativo duas substâncias: a imidocloprida e a permetrina. Estas substâncias atuam no sistema nervoso das pulgas, carrapatos, piolhos e mosquitos sendo letal para eles ao ter contato através da pele dos cães, sendo um excelente aliado no combate e controle de pulgas, carrapatos e piolhos.

O grande diferencial é sua atuação como repelente dos mosquitos que transmitem o verme do coração (dirofilariose) e a leishmaniose.

Vale lembrar que para infestações de carrapatos, é necessário também dedetizar o ambiente.

Advantage Max 3 é indicado para cães filhotes a partir de 7 semanas, cães adultos, idosos e também é seguro para fêmeas gestantes e lactantes.



Advocate: recomendado para prevenção e tratamento de pulgas, piolhos (Linognathus setosus e Trichodectes canis), sarnas sarcóptica, sarna otodécica e sarna demodécica (Otodectes cynotis, Sarcoptes scabiei, Demodex canis) e os vermes instestinais (Ancylostoma caninum, Toxocara canis e Uncinaria stenocephala , Toxascaris leonina e Trichuris vulpis em cães). Também previne infestação causada pelo verme cardíaco Diroflaria immitis quando administrado uma vez ao mês.

O Advocate tem duas versões: uma para cães e a outra para gatos.

As duas usam os mesmos princípios ativos, mas em concentração diferentes para cada um.

Os princípios ativos usados na fórmula do Advocate são: a Moxidectina e a Imidacloprida, que são indicado para controle de pulgas, piolhos, sarnas (demodécica, sarcóptica e otodécica), vermes e ainda previne contra a Dirofilaria (verme do coração).

O produto deve ser aplicado mensalmente no dorso do animal (nuca), e a partir daí ele se espalha pela pele do animal. A imidacloprida fica somente na superfície da pele, combatendo os ectoparasitas, pulgas e piolhos. Já a moxidectina é absorvida, mantendo níveis plasmáticos eficazes contra a sarna e vermes.

Durante as 4 semanas de ação do Advocate é recomendado não banhar o animal, pois o efeito contra os ectoparasitas (pulgas, piolhos e sarnas) fica diminuído.




Nunca utilizamos antipulgas e carrapaticidas no formato de coleira, mas sabemos que existem ótimas opções no mercado.


Na internet você irá encontrar muitas receitas para acabar com os pulgas e carrapatos. Veja bem, para ambientes externos, pátios, jardins, ruas até pode ser legal e funcionar. Mas, para o seu pet é melhor não fazer experiências, eles não merecem isso. Por mais que a intenção seja boa, no mercado você encontrará opções boas e eficientes com valores acessíveis. Não vale a pena arriscar. Essa é a nossa opinião.


Tomara que esse conteúdo tenha ajudado você.

Estaremos sempre à disposição.


VOLTAR A HOME DO BLOG


Fonte:

https://www.bitcao.com.br

http://blog.emporiodaspatas.com.br

https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/110048/000951181.pdf?sequence=1

http://www.fiocruz.br/ioc/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=620&sid=32

https://pets.webmd.com/

https://br.pinterest.com/

https://amoraospets.com

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo