Vamos falar sobre os principais cuidados com o pelo do seu Lulu?

Atualizado: Set 22

VOLTAR PARA HOME DO BLOG


Uma forte característica dos Spitz é a pelagem muito volumosa e longa, formando uma espécie de juba na região do peito e segue assim no resto do corpo. A pelagem da raça é conhecida como Pelagem Primitiva porque apresenta pelagem dupla: o pelo e o sub-pelo, exatamente como os ancestrais lobos! O pelo é aquele que conseguimos enxergar, é o fio longo, liso que sentimos quando tocamos nosso Lulu. Já o sub-pelo é macio, denso e bem volumoso, que os deixa parecendo ainda mais peludos e imponentes. Para conferir o sub-pelo temos que abrir a pelagem, é bem fininho e tem como principal benefício a camada de proteção térmica mantendo o calor no inverno rigoroso e também impede que o corpo absorva o calor do verão e até evita queimaduras solares. É um equalizador para altas e baixas temperaturas.

Ou seja, é mesmo necessário dedicação e cuidados para manter toda essa “juba” linda e cheia de saúde para o bem dos Lulus.

Não se assuste, são cuidados simples, sem necessidade de gastos extras, apenas alguns minutos do seu dia dedicados a eles.

Escovação

Escovação: seria muito bom se todo dia você fizesse uma rápida escovação, assim se o pelinho embaraçar, com uma simples escovação você já resolve e não deixa o nó aumentar. Mas, sabemos que nem sempre é possível dedicar esse tempo para escovação, tem dias, semanas que os compromissos não parecem ter fim. Por isso, tente manter a média de, pelo menos, dois dias por semana. Mas, não deixe de pentear. Crie essa rotina. É muito importante para saúde dos pelos e bem estar do seu Lulu. Os nós, com o passar dos dias acabam embaraçando ainda mais, e quanto mais tempo você deixar sem manutenção, mais difícil será para “abrir” o nós sem causar dor, ou danificar os pelos.

Por aqui, não usamos rasqueteiras, apenas pente metálico. O modelo da imagem ao lado é uma boa dica.

Uma opinião pessoal da nossa equipe. Acreditamos que a rasqueteira "rasga" os pelos. Usamos apenas pente metálico.

E, como temos muitos cães adultos, com pelos plenos para pentear, podemos garantir que damos essa dica com propriedade.

É uma opinião baseada em mais de dez anos de experiência em cuidados com os pets.

A orientação é que você sempre penteie o cão na direção oposta ao crescimentos os pelos.


Do rabo para o dorso, pescoço e cabeça. Da pata para o dorso. Do peito para o fucinho....tanto carinho, quanto a escovação. Essa prática faz com que os pêlos cresçam armados, fiquem volumosos e assim a "aparência" da pelagem ficará mais imponente. O pentear na direção oposta aos pêlos também ajuda a tirar os pêlos emaranhados (nós). Conforme a imagem abaixo.

E, por fim, tenha paciência. É ruim mesmo o desembaraço, para os dois lados. A pele dos pets é mais fina e delicada que a nossa, eles sentem dor se os emaranhados não forem adequadamente retirados.


Banho.

Não é mesmo necessário banhos semanais. Muitos especialistas já defendem até banhos mensais. Umidade e Lulus não combinam, por isso, depois do banho, ele deve ser bem seco para evitar o desenvolvimento de dermatites, alergias e doenças causadas por fungos. Isso é muito sério. Como o volume de pêlos é intenso, um banho com secagem ruim pode virar um transtorno daqueles. E mais, devemos ter atenção também em brincadeiras na água, no mar, em dias quentes. Os Lulus precisam ser bem secos, no capricho mesmo!

Também não é necessário shampoos e condicionadores especiais, por aqui usamos shampoo infantil.

Para filhotes até os cinco meses, a nossa orientação expressa é que os banhos sejam dados apenas em casa. De jeito nenhum leve a uma petshop. O filhote não tem toda imunidade e não deve ser exposto. Banho só em casa.

Preserve as orelhinhas, não lave no banho. A higienização delas é feita a parte, com um algodão e uma solução propícia para esse uso.

Tosa.

Se você tem uma boa petshop recomendamos a tosa higiênica apenas. Resumidamente (já que vamos tratar desse assunto em detalhes em outra postagem): é bom fazer a tosa higiênica, por questões ligadas à limpeza e higiene. MAS o indicado é somente tosar os pelos superficiais, nunca rente a pele e nunca no sub-pelo. Atenção à higiene do lugar e ao profissional que fará esse serviço para não “tosagem” próximo à pele, evitando assim queimaduras, alergias e machucados. Além disso, alguns cães apresentam algum tipo de alergia às lâminas da máquina ou se estressem facilmente com o barulho que ela produz.




VOLTAR PARA HOME DO BLOG

Conhece as nossas Redes Sociais?

Postamos diariamente dicas bem legais e importantes, informações sobre a criação e, é claro, nossos filhotes disponíveis!

  • Facebook
  • Instagram

Vamos conversar ?

A decisão de adquirir um cãozinho é muito importante.  É uma nova vida que irá fazer parte da sua! Por isso, convidamos você a conversar conosco :)

Whats 51-982344600
Celular 51-999975488